26out

Determinantes da escolha do consumidor

A nutrição é tão essencial à vida como o ar que respiramos e a água que bebemos. Ao longo de todo o ciclo de vida a conjugação correta dos nutrientes, que obtemos pela ingestão dos alimentos, permite a manutenção de um adequado estado nutricional.
A disseminação e implementação efetiva das diretrizes nutricionais e das recomendações da Direção Geral de Saúde e da Organização Mundial de Saúde são pontos-chave para a prevenção de deficits nutricionais. A alimentação no envelhecimento deve basear-se nos princípios da Roda dos Alimentos, da mesma forma que a alimentação de um adulto. Descurar a alimentação no idoso, com base na crença de que após uma certa idade é normal comer menos, tem como consequências a diminuição da força muscular, da mobilidade, da autonomia e capacidade de autocuidado e o aumento do risco de quedas o que leva à diminuição da qualidade de vida e ao aumento dos custos globais de saúde.
​Nos casos em que a alimentação, pela ingestão de alimentos correntes, não é suficiente para atingir as necessidades nutricionais diárias, a evidência científica suporta os benefícios da utilização da alimentação especial. Para além destes determinantes, a escolha dos alimentos também é influenciada por vários outros fatores, como a fome, o apetite e o sabor; as disponibilidades (custo/rendimentos); educação, cultura, família,...etc.


É ASSOCIADO ?        

VALOR DA INSCRIÇÂO:40 € DATA LIMITE DE INSCRIÇÃO:19/10/2017


Notas:
  • O número de inscrições é limitado à capacidade da sala de formação.
  • A realização das ações é condicionada a um número mínimo de inscrições, pelo que a FIPA reserva-se o direito de cancelar ou adiar a realização das ações de formação, caso o número de participantes inscritos seja insuficiente, informando os participantes com 48 horas de antecedência da não realização.
  • O cancelamento da inscrição poderá ser efetuado até às 48 horas anteriores à data marcada.
  • A não comparência na ação de formação ou o cancelamento depois do prazo anteriormente indicado implica o pagamento total da inscrição.
  • Ao abrigo do artigo 18º da Lei nº 144/2015, de 8 de setembro, em caso de litígio de consumo, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa: www.centroarbitragemlisboa.pt, tel.: 218 807 030, email: director@centroarbitragemlisboa.pt | juridico@centroarbitragemlisboa.pt. Para atualizações e mais informações, consulte o Portal do Consumidor em www.consumidor.pt

VALOR DA INSCRIÇÂO:70 € DATA LIMITE DE INSCRIÇÃO:19/10/2017


Notas:
  • O número de inscrições é limitado à capacidade da sala de formação.
  • A realização das ações é condicionada a um número mínimo de inscrições, pelo que a FIPA reserva-se o direito de cancelar ou adiar a realização das ações de formação, caso o número de participantes inscritos seja insuficiente, informando os participantes com 48 horas de antecedência da não realização.
  • O cancelamento da inscrição poderá ser efetuado até às 48 horas anteriores à data marcada.
  • A não comparência na ação de formação ou o cancelamento depois do prazo anteriormente indicado implica o pagamento total da inscrição.
  • Ao abrigo do artigo 18º da Lei nº 144/2015, de 8 de setembro, em caso de litígio de consumo, o consumidor pode recorrer ao Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa: www.centroarbitragemlisboa.pt, tel.: 218 807 030, email: director@centroarbitragemlisboa.pt | juridico@centroarbitragemlisboa.pt. Para atualizações e mais informações, consulte o Portal do Consumidor em www.consumidor.pt

Objetivos

  • Identificar padrões nutricionais saudáveis em cada fase do ciclo de vida 
  • Aplicar as diretrizes nutricionais aos diversos targets
  • Conhecerem os diversos determinantes que levam à escolha do consumidor

Destinatários
Quadros médios e superiores de empresas do sector agroalimentar das áreas de: qualidade, investigação e desenvolvimento, marketing, compras e produção.


Programa

  1. Introdução
  2. Nutrição no lactente e criança – normas e recomendações
  3. Avaliação do risco nutricional infantil
  4. Alimentação equilibrada no adulto – normas e recomendações
  5. Avaliação do risco nutricional no adulto e idoso
  6. Nutrição no idoso
  7. Avaliação dos diversos determinantes na escolha do consumidor


Formador

Paula Nolasco
Licenciada em Medicina pela Universidade de Lisboa, com a especialidade em Pediatria, pós Graduação em  Nutrição e Metabolismo Infantil, e Doutoramento pela Universidade Federal de S. Paulo, Brasil. Com larga experiencia clinica na área da pediatria e Nutrição, nomeadamente em Obesidade Infantil, com vários trabalhos e estudos clínicos publicados.Trabalhou na Milupa Comercial SA de Março 1993 a Maio de 2013, como Diretora da Qualidade, Medical e Regulatory Affairs. Durante esse período teve como responsabilidades, a qualidade e a satisfação dos requisitos estabelecidos pelas autoridades locais e europeias relativamente aos alimentos para bebés e crianças de tenra idade (0-36 meses), assim como todo o apoio cientifico as diversas áreas de negócio. Teve a responsabilidade do treino das equipas externas, bem como dos colaboradores internos, assim como os contactos e apoio científico aos principais lideres de opinião. Oradora convidada em universidades, congressos e sessões clínicas em Hospitais e Centros de saúde. Gestora de crise da Milupa Comercial SA tendo formação específica e continuada em gestão de crise e media training.

 

Data e local de realização
Data: 26 de outubro de 2017
Duração: 7 horas - 09:30 às 13:30
Local: Sala de formação da FIPA | Rua da Junqueira, 39 – Edifício Rosa, 1º Piso | 1300-307 Lisboa

FIPA NOTÍCIAS