Nº 9 | 21 março 2016

Editorial

Pedro Queiroz | Diretor-geral

A FIPA tem vindo a acompanhar com natural interesse as negociações em torno do Acordo de Parceria Transatlântica de Comércio e Investimento (TTIP), que deverá contribuir para uma nova abordagem ao nível do comércio livre entre a União Europeia e os Estados Unidos. Estima-se que este acordo possa impulsionar a economia da UE em 120 biliões de euros, a economia dos EUA em 90 biliões de euros e a nível mundial 100 biliões de €. Na mais recente ronda de conversações foi considerada a possibilidade de se fechar um acordo antes do final de 2016, ainda na Presidência Obama. Um bom desfecho das negociações poderá contribuir para aumentar a competitividade do setor agroalimentar e alavancar a inovação, contribuindo para o crescimento e criação de emprego. A indústria alimentar tem vindo assim a promover o debate em torno de questões como a redução dos custos de transação, redução de barreiras não tarifárias, cooperação regulatória e acesso aos mercados, temas que foram reforçados na mais recente iniciativa promovida pela FIPA com os mais destacados intervenientes nas negociações.


Água gera emprego

Competitividade

Água gera emprego

APIAM apoia Dia Mundial da Água, dedicado à “Água e Emprego”, frisando a criação de postos de trabalho não deslocalizáveis.
Leguminosas em debate

Sustentabilidade

Leguminosas em debate

Setor dos Alimentos Compostos para Animais associa-se à FAO para comemoração do Ano Internacional das Leguminosas.


Consumidor

"Alimentação Saudável em Números"

FIPA marcou presença na apresentação pública do Relatório “Portugal – Alimentação Saudável em Números 2015”.
Setor alimentar debate TTIP

Competitividade

Setor alimentar debate TTIP

FIPA promoveu encontro para debater acordo entre União Europeia e Estados Unidos que ligará os dois blocos económicos.