Consumidor

Tendências Globais de Consumo 2021

20/01/2021 |

Sustentabilidade, conveniência, segurança e a efetiva união do físico e digital (“figital”) estão entre as principais tendências, que definirão o comportamento do consumidor e influenciarão as estratégias empresariais este ano, segundo o relatório “10 Principais Tendências Globais de Consumo 2021”, elaborado pela Euromonitor International.

De acordo com este estudo, a resiliência e adaptabilidade serão os fatores mais determinantes entre estas tendências, que surgiram, foram influenciadas ou aceleradas pela pandemia COVID-19. Desta forma, em 2021, os consumidores:

Reconstruir Melhor – esperam que haja um aumento de iniciativas orientadas pela sustentabilidade que abarquem a tríade pessoas-planeta-economia.  

Desejo por Conveniência  desejam voltar aos padrões pré-pandemia, sobretudo por sentirem falta de comodidades que passavam despercebidas, e por isso escolherão empresas que dêem prioridade à segurança e minimizem as mudanças nos modelos e padrões de compra.

Oásis ao Ar Livre – procuram uma maior ligação com a natureza e preferir locais ao ar livre para o lazer e para socialização segura.

Realidade Figital – intensificarão os seus novos hábitos digitais de trabalho, entretenimento e consumo. Por isso, as ferramentas virtuais serão fatores determinantes nas operações das empresas e a integração de processos virtuais nos espaços físicos será essencial para que os consumidores se sintam seguros quando os voltarem a frequentar.

Otimizando o Tempo – continuarão a passar mais tempo em casa. Para aproveitar esta tendência, as empresas devem ser vistas como parceiras que ajudam os consumidores a planear este novo estilo de vida mais flexível.

• Inquietos e Rebeldes – continuarão a desconfiar dos media e dos governos, havendo uma tendência de desconfiança generalizada. As empresas terão a oportunidade, e a obrigação, de orientar o seu marketing para o combate à desinformação.

Obsessão por Segurança   exigem serviços sem contacto, padrões sanitários excecionais e produtos que melhoram a higiene e a imunidade.

Abalados e Reflexivos  reavaliarão as prioridades na procura de uma vida mais plena e uma melhor resiliência mental. As empresas devem fornecer produtos e serviços que promovam esta resiliência e o bem-estar psicológico dos consumidores e os ajudem a lidar com circunstâncias adversas e a conquistar autoconfiança.

A Ordem é “Pechinchar” – irão diminuir gastos supérfluos devido às incertezas no cenário económico e dar prioridade a produtos e serviços de valor agregado. As empresas devem fazer propostas de valor para o dinheiro, oferecendo opções acessíveis sem redução da qualidade.  

Novos Espaços de Trabalho - procuram encontrar um novo equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, pois a colaboração remota redefine o ambiente de escritório tradicional. Mais da metade dos consumidores globais tinham, até então, uma fronteira rigorosa entre o trabalho ou a escola e a vida pessoal.

 Para consultar ao detalhes estas tendências e dados faça o download aqui.

FIPA NOTÍCIAS

Remova aqui o seu email