Inovação

Circularidade de embalagens continua em aberto

26.10.2023 |

A Comissão de Ambiente (ENVI) do Parlamento Europeu aprovou recentemente o relatório sobre a proposta de Regulamento que altera a Diretiva “Embalagens e Resíduos de Embalagens” e que orientará as ambições da Europa em matéria de embalagens circulares nos próximos anos.

A FIPA congratula-se com a posição tomada, e que vai no sentido de oferecer clareza sobre a reciclabilidade, de mostrar que os políticos ouviram o alarme sobre o mau estado das infraestruturas de resíduos na Europa, mas reitera a posição da FoodDrinkEurope, confederação europeia das indústrias agroalimentares e entidade parceira, que destaca que “os eurodeputados não incluíram uma cláusula de revisão para os objetivos de conteúdo reciclado para 2030”. De igual modo, rejeitaram a isenção dos objetivos de reutilização, ao mesmo tempo que estabeleceram objetivos ainda mais elevados sem uma avaliação de impacto.

O texto também fica aquém no que toca à “salvaguarda da segurança e higiene alimentares nos objetivos de reutilização, especialmente nas embalagens de transporte, um aspeto que, infelizmente, nem sequer foi avaliado na avaliação de impacto da Comissão Europeia”, afirma a FoodDrinkEurope.

Certos de que a indústria alimentar e de bebidas continua empenhada em conseguir embalagens mais sustentáveis, a FoodDrinkEurope destaca no comunicado o compromisso de que a indústria tornará até 2030 todas as embalagens de alimentos e bebidas recicláveis ou reutilizáveis; e que até 2025 irá introduzir 10 milhões de toneladas de plástico reciclado em novos produtos.

dados estatísticos

Exportações Indústria Alimentar (milhões de euros)

  • 682
  • 663

Exportações 2023 - 2024

  • 595
  • 663

Subscreva a nossa newsletter

Acompanhe todas as novidades

Subscrever
Linkedin
mail