Nº 30 | 16 julho 2020

Editorial

Pedro Queiroz | Diretor-Geral

Muito se tem falado sobre o impacto da pandemia COVID-19 na economia portuguesa e internacional. Multiplicam-se as análises e previsões para os tempos vindouros.  Portugal olha para o  futuro à luz do plano de recuperação económica 2020-2030 e na Europa assistimos a uma corrida contra o tempo para que se chegue a um acordo sobre os moldes do Fundo de Recuperação "Next Generation EU”.

Este é, acima de tudo, um cenário de decisões macroestruturais a longo prazo. Decisões que, no entanto, devem olhar de forma muito concreta e atenta para a dinâmica, capacidade de resposta, resiliência e colaboração demonstrada por setores que mesmo em plena pandemia, e apesar de entraves e barreiras, nunca pararam. Falo aqui, naturalmente, da indústria alimentar, recentemente definida como “espinha dorsal” da economia portuguesa num estudo da Comissão Europeia e do Banco Europeu de Investimento.

É certo que é tempo de identificarmos fraquezas, mas é altura de capitalizarmos o que soubemos e sabemos fazer bem.

Neste sentido, a FIPA tem dado voz ao setor junto do Governo e entidades europeias, sublinhando a sua expressividade na economia (com os 17,4 mil milhões de euros de volume de negócios e 115 mil postos de trabalho diretos), mas também a sua capacidade de inovar e alavancar áreas de futuro como a sustentabilidade ambiental, a segurança alimentar, a segurança dos alimentos, a nutrição e a informação ao consumidor, essenciais à concretização de planos estratégicos como o Pacto Ecológico Europeu e a Estratégia “Do Prado ao Prato”.

Por fim, e sem esquecer que estas decisões macroestruturais para o futuro, mais do que considerar a indústria agroalimentar por todas estas suas provas dadas, devem ter em conta que o setor são as empresas, os trabalhadores, os parceiros, mas é, sobretudo, o consumidor, o grande motor da economia.


FIPA reúne com Governo

Competitividade

FIPA reúne com Governo

Ponto da situação face à COVID e afirmação das prioridades para a indústria agroalimentar foram os pontos da agenda.
Cervejeiros pedem medidas ao Governo

Competitividade

Cervejeiros pedem medidas ao Governo

A Associação Cervejeiros de Portugal enviou carta ao Ministro da Economia com pedido de medidas extraordinárias para fazer face ao impacto da pandemia COVID-19.


Agroalimentar: apostas com energia

Sustentabilidade

Agroalimentar: apostas com energia

A sustentabilidade energética na indústria agroalimentar esteve em destaque num webinar, promovido pelo BCSD e que contou com a participação da FIPA.
Governo vê agroalimentar como estratégico

Competitividade

Governo vê agroalimentar como estratégico

Plataforma que congrega a fileira agroalimentar reuniu num momento crítico para o futuro daquele que é um setor estratégico para o país.


Formação em Consumo Alimentar

Consumidor

Formação em Consumo Alimentar

Estão abertas, até 15 de agosto, as inscrições no Mestrado em Ciências do Consumo Alimentar (MCCA), da Universidade Aberta (UAb).
Genoma potencia inovação

Inovação

Genoma potencia inovação

As aplicações do genoma na produção de alimentos e na medicina serão debatidas em webinar promovido pelo CiB.


Agroalimentar: “espinha dorsal” da economia

Competitividade

Agroalimentar: “espinha dorsal” da economia

Estudo revela desempenho positivo do agroalimentar em Portugal e define-o como a “espinha dorsal da economia portuguesa”.
FIPA lança campanha “Sabe Pela Vida”

Consumidor

FIPA lança campanha “Sabe Pela Vida”

Campanha promovida pela FIPA, em parceria com AHRESP, tem como objetivo transmitir confiança aos consumidores para saírem de casa e “saborearem a vida”.